Sobre o Autor

Noélia Silva
Luanda Created 1 Project

Olá! Somo os ‘Jovens pela educação’, uma rede de jovens que visa reunir contribuições para um objectivo nobre em prol do desenvolvimento do país. A ideia nasceu de uma corrente solidária que quer ajudar o próximo, oferecendo bolsas nacionais. Somos jovens que nos juntamos para financiar os estudos de alunos universitários angolanos com poucas ou sem possibilidade financeira.

Devemos definir o termo ‘bolsa de estudo’ para que o financiador saiba exactamente o que esta a financiar. A bolsa pela qual fazemos menção, trata-se de um subsídio atribuído a um estudante selecionado pela rede. A bolsa é de natureza económica e visa custear a propina e o transporte do estudante.

Para os interessados, as contribuições começam a partir do dia 4 de Fevereiro de 2019 com o valor mínimo de depósito de 5.000 Kwanzas, valor que definirá a sua contribuição mensal durante um ano (não tirando a possibilidade de depositar um valor mais alto no decorrer do ano). Os depósitos deverão ser feitos no dia 4 de cada mês (de Fevereiro à Novembro). Os cursos e universidades não são preferenciais, uma vez que os estudantes já se encontram inscritos, apenas o valor da propina deve ser aprovado pelos financiadores.

Os membros da organização estiveram envolvidos numa pesquisa de mercado sobre as condições, localização, programas, cursos e propinas das universidades, de maneira a assegurar que o investimento seja próspero. Procuramos jovens interessados em fazer parte da equipa e contribuir para o ‘mentorship’ e acompanhamento dos jovens escolhidos. Há ainda a possibilidade de os financiadores também serem mentores dos estudantes para melhor orientação e sustentabilidade moral do projecto. Porém, respeitamos os que optam pela sua privacidade.

Perguntas frequentes

A bolsa é destinada a quem?

A bolsa será restrita a estudantes com baixa renda familiar.

Como será efectuado o pagamento?

O pagamento da propina deverá ser feito directamente a universidade, usando a referência do nome do estudante.

De onde surgiu a ideia para o projecto?

A iniciativa surgiu da interacção com jovens estudantes durante uma formação na Mediateca 28 de Agosto. Os jovens escolhidos encontram-se sem meios de frequentar a universidade por razões financeiras e ocupam os seus dias na Mediateca, tirando proveito de actividades grátis que a mesma oferece.

Os membros desta rede estiveram presentes na mediateca a dar formação de ”How to apply”, uma formação que ajuda estudantes a aplicar para bolsas internacionais. O programa desta formação é constituído por aulas de ‘Escrita criativa’, ’Como fazer um currículo’, e ‘English for begginers.

As aulas mencionadas ajudam no processo de aplicação para bolsa para o estrangeiro, sendo a escrita criativa uma ferramenta para escrever cartas de apresentação, e o Inglês que possibilita o bolseiro de responder cada campo da aplicação.

Infelizmente, para alguns, uma bolsa de estudos internacional é custosa por necessidade de passaporte, visto, exames de inglês e outras despesas. Assim, criamos a rede "Jovens pela Educação”, oferecendo-lhes a oportunidade de concorrer a bolsas nacionais.

Como será feita a seleção dos bolseiros?

Ao ensinar-lhes escrita criativa, eles foram convidados a escrever biografias inspiradoras para partilharem com os seus pontencias patrocinadores .

Numa primeira fase, a seleção será semelhante a um leilão, em que os jovens serão selecionados pelas suas biografias que reflectem a sua determinação e vontade de singrar.

Não há preferência na universidade, desde que o bolseiro seja aceite na mesma e o preço da propina seja aprovada pelos membros da rede.

Quais as responsabilidades dos membros?

Na fase de implementação, os membros da organização estarão envolvidos numa pesquisa de mercado sobre as condições, lozalização, programas, cursos e propinas das universidades, de maneira a assegurar que o investimento seja próspero.

Procuramos jovens interessados em fazer parte da equipa e contribuir para o ‘mentorship’ e acompanhamento dos jovens escolhidos.

Para lembrar...

Os financiadores que gostariam de oferecer mentorship e orientação poderão entrar em contacto com os bolseiros. Porém, respeitamos os que optam pela sua privacidade.

Cabe ao estudante tratar de toda documentação e da sua matrícula.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *